Qual a diferença entre a psicanálise e psicoterapia?

O objetivo do tratamento é ajudar os pacientes a desenvolver uma compreensão mais profunda de seus pensamentos, sentimentos e memórias inconscientes para gerar crescimento permanente e alterações na personalidade. O profundo nível de compreensão exigido na psicanálise não se desenvolve da noite para o dia, e é por isso que um paciente pode estar em terapia por vários anos. Um bom tratamento psicanalítico é capaz de fazer com que a pessoa identifique sentimentos e situações que são gatilhos para reações que antes passavam despercebidas. Com isso, fica muito mais fácil lidar com as frustrações do cotidiano e das nossas relações pessoais e profissionais. Durante uma sessão a pessoa se deita no sofá, chamado divã, e começa a falar sobre os sentimentos, comportamentos, conflitos e não faz contato visual com o terapeuta, para que não tenha vergonha em dizer o que sente. Assim como em outros tipos de psicoterapia, na hora que a pessoa está falando, o terapeuta vai procurando a origem dos problemas psíquicos e ajuda a pessoa a buscar maneiras de lidar com essas questões.

Sabe aquela imagem clássica de uma pessoa deitada em um divã, olhando pro teto e contando a sua vida enquanto o médico escuta e reflete? O objetivo do profissional é que você se sinta relaxado e completamente à vontade para narrar as suas experiências e sentimentos. Ela possui suas próprias técnicas e seus próprios métodos para auxiliar no processo terapêutico. Dentro da psicologia, existem várias abordagens diferentes utilizadas para investigar esse comportamento humano e para lidar com os problemas comportamentais e emocionais de cada pessoa. Muitas pessoas sentem que não se adequam a um local ou não são capazes de fazer algo, o que afeta a autoestima, e o trabalho da psicoterapia psicanalítica é modificar isso na vida de uma pessoa.

Quais os benefícios da psicanálise?

Diferentemente do que se pensa, a psicanálise não visa complexificar os procedimentos terapêuticos, vistos como complicados e obscuros. O contrário disso, a psicanálise serve para desenredar os nós da psique humana, através da análise e investigação. O papel do psicólogo é mostrar estes trilhos de forma a compor uma paisagem mais natural possível para o paciente. Como forma de agir nos métodos, o tratamento ocorre com uma frequência de conversas que tendem a durar, dependendo das situações. Segundo Freud, a psicanálise seria a “profissão de pessoas leigas que curam almas”. No sentido científico da palavra, “alma” seria o equivalente a “mente” ou “inteligência”, atribuindo esse valor à condição das patologias que atingem e afligem muitas pessoas no mundo.

Qual é o objetivo da psicanálise?

Consulta com Psiquiatra

O psicólogo ou psiquiatra pode usar este tipo de abordagem para auxiliar no tratamento de pessoas com ansiedade, depressão e outros tipos de transtornos. No entanto, a psicanálise também pode ser realizada por qualquer pessoa que queira compreender suas experiências pessoais, que tenham problemas de relacionamentos ou dificuldade de concentração. O método de aplicação da psicanálise se baseia em elementos como observação, investigação e interpretação. Diante disso, são explorados questões inconscientes que possibilitariam o entendimento da origem dos sintomas e a ressignificação dos conflitos. Patricia Ansarah ainda comenta que as vantagens da terapia psicanalítica são duradouras e impactam diferentes áreas da vida.

Mesmo os eventos que aparentam não ter deixado impacto emocional causam repercussões, as quais costumam ser sentidas somente na vida adulta. Outro fundamento-base da psicanálise freudiana é a dominação desses processos pelas tendências sexuais. Você pode contar sobre um sonho que teve, um acontecimento do dia a dia ou mesmo deixar seu pensamento e sua fala discorrerem livremente. Com isso, espera-se que seu inconsciente aflore e seja, pouco a pouco, acessado pelo psicanalista.

Palavras que o médico pode utilizar

Na maioria das terapias psicanalíticas tradicionais, o paciente se deita em um sofá enquanto o terapeuta se senta atrás do paciente para evitar contato visual. Essa posição ajuda o paciente a se sentir confortável, para que ele possa chegar a um nível mais íntimo de discussão com o psicoterapeuta. O tratamento terapêutico cuja base é psicanalítica visa beneficiar todos aqueles que sofrem com transtornos emocionais. O Curso Psicanálise psicanalista tem o papel de acolher o sofrimento do paciente e orientá-lo com as questões práticas de sua vida. Quando somos capazes de olhar para nós mesmos, passamos a nos relacionar melhor com as outras pessoas. Por isso, a psicanálise pode impactar nas relações familiares e conjugais do analisando, uma vez que, ao passar por transformações, ele aprenderá a existir de outras formas no ambiente social e familiar.

No curso de psicanálise do Ibrapsi, você poderá aprender sobre os inúmeros benefícios que a psicanálise pode oferecer. Seja nosso aluno, faça a solicitação da sua bolsa do curso de psicanálise do Ibrapsi. Eu tenho distúrbio e as vezes tenho crise que fico bastante agressiva de forma verbal em crise meu tom de voz fica bastante alterado. Porém quando não estou em crise consigo raciocinar, não consigo indentificar o meu problema, mas consigo entender que nada do que acontece é normal. Porém tenho procurado ajuda pois tenho certeza que minha mente não é normal ainda que não sei como ter uma mente normal.

Por outro lado, a psicanálise, criada por Freud, trata-se de uma abordagem que não é sugestiva, por mais que ela tenha tido a sua fundamentação, ao ser criada, nesse tipo de método. Para a abordagem psicanalítica, as emoções e as atitudes de uma pessoa nada mais são do que o resultado daqueles fatores sobre os quais ela não tem nenhuma consciência. O Tua Saúde, marca do Grupo Rede D'Or, é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre temas relacionados com saúde, nutrição e bem-estar.

Deixe um comentário